Dia da mulher?

Dia da mulher?
Pelamorrr, dia de mulher é TODO DIA.

Independente de onde tenha vindo historicamente essa idéia, o fato é que virou uma espécie de tábua de salvação para o comercio que como se sabe padece de marasmo mortal nos primeiros meses do ano.
No entanto, vale sempre a pena, refletirmos sobre as coisas de uma maneira mais profunda. Por exemplo a palavra DEUS, masculina…? Será? Oscar Quiroga nos lembra em seu texto de hoje no Estadão que na índia, existe Shakti, a força universal, onipotente , onisciente, DEUSA!
Outro dia tive uma discussão com uma amigo que tentava explicar sua homosexualidade dizendo que não tinha paciência para nada que fosse feminino com chorar diante de uma situação dificil…HEIN??????
Fiquei pensando em como o feminino realmente esta esmagado, apertado, distorcido.
Todo mundo deve lembrar que o atributo maior do Feminino não é a fragilidade mas o CUIDADO, o NUTRIR.
A FORÇA do feminino não pode ser medida por padrões masculinos porque são complementares. Testosterona não é igual à progesterona, estão, porque seres de composições diferentes deveriam ter comportamentos iguais?
Faz tempo que essa distinção entre gêneros se tornou obsoleta.
A androginia sempre foi uma busca de equilibrio muito antes de ser um estilo para roupas ou um corte de cabelo.
Na cidade de São Paulo este fim de semana dois programas onde a androginia é tema: David Bowie , pela estética, claor mas também pelas escolhas de vida, depois dos problemas com a vista numa suposta briga e da paixão pela faca Bowie, de onde ele tirou o nome artístico, escolheu as canções como “arma”, encarnou o “gender bender”, fez “Merry Christmas Mr Lawrence”, casou com a modelo Imã…enfim, um ser humano que quer exercer sua sexualidade e suas potencialidade com liberdade.
Outra , uma surpresa, é Rodrigo Santoro em 300, a missão.
Preocupado em acentuar o caráter divino de Xerxes, Santoro sugeriu ai diretor suavizar o gigante. Tornando-o mais feminino? Não. Tornando-o mais andrógino.
Sem dúvida alguma, no dia em que gênero e opção sexual não forem mais assunto, teremos dado um passo na evolução e no respeito.

david2

Exposição no Museu da Imagem e do Som de São Paulo

david3

300